Origens e Consequências da Substituição de Importações no Brasil

  • Albert Fishlow University of California, Berkeley, California

Resumo

Este trabalho procura reinterpretar o padrão de crescimento econômico brasileiro, particularmente o industrial, a partir do início da República até os nossos dias. Suas mais importantes contribuições são as análises acerca do primeiro surto de desenvolvimento dâ indústria têxtil na época do encilhamento; o papel particular da 13 Guerra Mundial como fonte de crescimento, onde se admite que os efeitos sobre a capacidade foram de menos importância, mas determinantes de altos níveis de rentabilidade, estimulando com isto inversões nos anos 20. O papel da Grande Depressão é reconhecido a luz das análises de Furtado, Palaez e Villela, onde se conclui terem existido efeitos positivos sobre o nível de produto, ainda que a difusão tecnológica tenha sido baixa. Finalmente, a análise no período de pós-guerra é bastante otimista quanto a eficácia das medidas governamentais de estímulo à substituição de importações, bem como a capacidade de reação das empresas aestes mesmos estímulos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-02-07
Seção
Artigo