Estudos de língua japonesa acadêmica: retratos a partir do Akademikku Japanîzu Jânaru (2009-2013)

Autores

  • Rodrigo Moura Lima de Aragão Faculdade de Tecnologia de Itaquera Professor Miguel Reale

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2447-7125.v0i35p104-123

Palavras-chave:

Japonês acadêmico, Japonês para fins acadêmicos, Japonês para fins específicos, Língua japonesa, Estado da arte

Resumo

Objetivou-se retratar o estado atual da produção acadêmica sobre a língua japonesa acadêmica. Para tanto, foram analisados 28 textos publicados entre 2009 e 2013 no periódico japonês Akademikku Japanîzu Jânaru. Com insumos provenientes da administração (BERTERO; KEINERT, 1994; e outros), examinaram-se temas, percursos investigativos, aportes teóricos, referenciais metodológicos e fontes dos textos. Como resultado, delinearam-se cinco grupos temáticos próprios ao domínio dos estudos de japonês acadêmico: redação em língua japonesa, ensino-aprendizagem de língua japonesa, compreensão e expressão oral em japonês, citações e outros aspectos do texto japonês, outros assuntos. Temas, métodos, aportes teóricos, referenciais metodológicos e fontes identificados nos cinco grupos são variados, o que evidencia os estudos de língua japonesa acadêmica como um campo de investigação em fase de instituição.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Moura Lima de Aragão, Faculdade de Tecnologia de Itaquera Professor Miguel Reale

Professor de comunicação e metodologia científica na Faculdade de Tecnologia de Itaquera Professor Miguel Reale (FATEC Itaquera), São Paulo, SP, Brasil; mestrando em Língua, Literatura e Cultura Japonesa na Universidade de São Paulo (USP).

Downloads

Publicado

2015-03-07

Como Citar

Aragão, R. M. L. de. (2015). Estudos de língua japonesa acadêmica: retratos a partir do Akademikku Japanîzu Jânaru (2009-2013). Estudos Japoneses, (35), 104-123. https://doi.org/10.11606/issn.2447-7125.v0i35p104-123

Edição

Seção

não definida