Crenças e necessidades de aprendizes de japonês como LE (língua estrangeira) a respeito da habilidade da escrita e materiais didáticos

Autores

  • Yuki Mukai Universidade de Brasília. Instituto de Letras

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2447-7125.v0i31p193-219

Palavras-chave:

ensino-aprendizagem de língua japonesa, habilidade da escrita, crenças, necessidades, materiais didáticos.

Resumo

O presente trabalho investiga as crenças e necessidades de estudantes de Japonês como Língua Estrangeira (doravante JLE) em relação à habilidade da escrita e a seus materiais didáticos. O objetivo desta pesquisa, além de reconhecer essas crenças e necessidades de estudantes de JLE, é compreender as posturas atuais deles em relação ao seu estudo. Para isso, a presente pesquisa baseou-se nos conceitos de crenças apresentados por Alvarez (2007), Barcelos (2001, 2006, 2007), Conceição (2004), Kalaja (2005), Pajares (1992), McKay (2003), Kawaguchi; Yokomizo (2005) e na definição de escrita proposta por Yui (2005). Utilizou-se o método Split que mescla as abordagens qualitativa e quantitativa. Os participantes desta pesquisa-piloto foram estudantes de nivel intermediário do curso de Letras-Japonês da Universidade de Brasilia. Para a coleta dos dados, foram aplicados um questionário (pesquisa quantitativa) e urna entrevista (pesquisa qualitativa). Como resultado, foi revelado que, quanto às crenças sobre escrita, os participantes desta pesquisa acreditam que o ato da escrita em japonês no dia-a-dia não é tão importante se comparado com as outras habilidades, e que há uma carência de materiais para escrita e de oportunidades de escrever em japonés que aumentem sua motivação. O que se pode concluir a partir destes resultados é que, para os estudantes de JLE desenvolverem sua habilidade da escrita, são necessários materiais didáticos e oportunidades de aumentar sua motivação para que se escreva (digite) em japonês diariamente, além do desenvolvimento de materiais didáticos que incluam materiais online que possam levar a uma autonomia no aprendizado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Yuki Mukai, Universidade de Brasília. Instituto de Letras

Doutor em Lingüística Aplicada. Professor Adjunto do Instituto de Letras da Universidade de Brasilia (UnB).

Downloads

Como Citar

Mukai, Y. (2011). Crenças e necessidades de aprendizes de japonês como LE (língua estrangeira) a respeito da habilidade da escrita e materiais didáticos. Estudos Japoneses, (31), 193-219. https://doi.org/10.11606/issn.2447-7125.v0i31p193-219

Edição

Seção

não definida