Repensando a identidade cultural latino-americana a partir do filme "Qué tan lejos"

Autores

  • Adriana Teixeira Pereira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2447-9748.v4i1p43-58

Palavras-chave:

Cinema, Interculturalidade, Identidade cultural latino-americana

Resumo

A cinematografia com a sua linguagem imagética universal consegue captar e refletir a realidade circundante. Desse modo, pretendemos analisar as questões relativas à identidade cultural latino-americana a partir do filme equatoriano “Qué tan lejos”, dirigido por Tania Hermida (2006), à luz dos estudos culturais de Hall (2015) e García Canclini (2008), buscando problematizar as diferentes questões históricas, sociais e políticas que possam contribuir para o diálogo, valorização e fortalecimento de uma integração regional neste espaço cultural que é América Latina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Brasília, DF, 2000.
CARMONA, BETH. TV pública no Brasil: um sonho possível? RevistaD’ART 48, 2008. São Paulo, Disponível em: <http://www.centrocultural.sp.gov.br/revista_dart/pdfs/dart12%20tv%20publica%20no%20brasil%20um%20sonho%20possivel.pdf>. Acesso em 29 de jan. de 2020.
CASTELLS, M. O poder da identidade. 2. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1999.
CRUZ, M.L.O.B.; SOUZA, FM.; GAMA, A.P.F. O cinema no aperfeiçoamento das competências de línguas (materna e estrangeira). In: PROGRAD UNESP (Org.). Livro eletrônico dos núcleos de ensino da UNESP. São Paulo: Cultura acadêmica editora, 2007, v. , p. 487-499.
GARCÍA CANCLINI, N. Culturas híbridas: estratégias para entrar e sair da modernidade. 4.ed. São Paulo: EDUSP, 2008.
HALL, S. A identidade cultural na pós-modernidade. Traduzido por Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. 12.ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2015.
IRINEU, L. M. Representações sociais sobre a latinidade em sites de redes sociais contemporâneas: uma investigação discursivo-ideológica situada no Orkut. Dissertação de Mestrado em Linguística. Departamento de Letras Vernáculas, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2011.
LESSA, G da S. M. Memórias e identidades latino-americanas invisíveis e silenciadas no ensino-aprendizagem de espanhol e o papel do professor. In: ZOLIN-VESZ, F. (Org.). A (In)Visibilidade da América Latina no ensino de espanhol. Campinas: Pontes Editores, 2013, p. 17-27.
MENDES, E. Aprender a ser e a viver com o outro: materiais didáticos interculturais para o ensino de português LE/L2. In: SCHEYERL, D.; SIQUEIRA, S. Materiais didáticos para o ensino de línguas na contemporaneidade: contestações e proposições. Salvador: EDUFBA, 2012, p. 355- 378.
MIGNOLO, W. La idea de América Latina: la herida colonial y la opción decolonial. Barcelona: Editorail Gedisa, 2005.
ORTIZ-ALVAREZ, M. L. (Des) construção da identidade latino-americana: heranças do passado e desafios futuros. Revista Intercâmbio dos Congressos Internacionais de Humanidades (UnB), Brasília, 2010.
PARAQUETT, M. Multiculturalismo, interculturalismo e ensino/ aprendizagem de espanhol para brasileiros In: BRASIL, Ministério da Educação. Coleção Explorando o Ensino. V. 16. Espanhol: ensino médio. (Org.) BARROS, Cristiano Silva de e Costa, Elzimar Goettenauer de Marins. Brasília. Secretaria de Educação Básica. 2010. p. 137-156.
RAMOS, V. H. La identidad latinoamericana: proceso contradictorio de su construcción-deconstrucción-reconfiguración dentro de contextos globales. Universitas humanística, Bogotá, no.73, enero-junio, 2012, pp 15-58.
REIS, L. Conversas ao sul: ensaios sobre literatura e cultura latino-americana. Niterói: EdUFF, 2009.
SILVA, T. T. da. A produção social da identidade e da diferença. In: SILVA, T. T. da (Org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014, p. 73-102.
VIDAL, NURIA. Qué tan lejos. Fotogramas, 26 de maio de 2008. Disponível em: <https://www.fotogramas.es/peliculas-criticas/a7838/que-tan-lejos/>. Acesso em: 21 de jan. de 2020.

Downloads

Publicado

2020-11-24

Como Citar

Pereira, A. T. (2020). Repensando a identidade cultural latino-americana a partir do filme "Qué tan lejos". Revista Entrecaminos, 4(1), 43-58. https://doi.org/10.11606/issn.2447-9748.v4i1p43-58

Edição

Seção

MULHERES ARTISTAS