O impacto, sobre estudantes brasileiros, de uma linguagem visual para aprender a aprender conjuntamente

Autores

  • Deller James Ferreira Universidade Federal Goiás
  • Kelly Ruas Universidade Federal Goiás
  • Vivian Laís Barreto Universidade Federal Goiás
  • Tatiane F. N. Melo Universidade Federal Goiás
  • Mariana Soller Ramada Universidade Federal Goiás
  • Rupert Wegerif University of Exeter

DOI:

https://doi.org/10.1590/s1517-9702201604145153

Palavras-chave:

Linguagem visual, Aprendizagem colaborativa, Aprender a aprender conjuntamente, Coordenação dos processos em grupo

Resumo

Um dos temas mais importantes na aprendizagem colaborativa apoiada pelo computador é a autorregulação da aprendizagem sem o apoio de professores. A autorregulação da colaboração pode ser definida como o conjunto dos processos sociais que os alunos usam para coordenar o seu esforço conjunto em uma atividade. Este trabalho apresenta um estudo de caso brasileiro que examina o impacto da plataforma computacional Metafora para apoiar a regulação da colaboração entre os estudantes brasileiros. Nosso objetivo é investigar se o uso da linguagem visual Metafora ajuda os alunos a aprenderem a aprender em conjunto (learn to learn togueter – L2L2). L2L2 abrange o desenvolvimento da capacidade de coordenação da colaboração. Para perseguir esse objetivo, são fornecidas evidências de mecanismos de coordenação e as respostas emocionais subjacentes ao uso, pelos alunos, da ferramenta de planejamento Metafora. Os resultados deste estudo de caso demonstram que as interações dos alunos, ao usarem a ferramenta de planejamento Metafora, influenciaram o seu desenvolvimento de L2L2 de maneira natural e envolvente. A ferramenta de planejamento Metafora proporciona aos alunos um ambiente amigável para a regulação dos processos de grupo e tem potencial para modificar os pensamentos dos estudantes com respeito à coordenação de processos colaborativos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2017-04-01

Como Citar

Ferreira, D. J., Ruas, K., Barreto, V. L., Melo, T. F. N., Ramada, M. S., & Wegerif, R. (2017). O impacto, sobre estudantes brasileiros, de uma linguagem visual para aprender a aprender conjuntamente. Educação E Pesquisa, 43(2), 427-451. https://doi.org/10.1590/s1517-9702201604145153

Edição

Seção

Artigos