Do sonho à realização: pedagogia empreendedora, empresariamento da educação e racionalidade neoliberal

Autores

  • Alexandre Alves Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)
  • Viviane Klaus Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)
  • Carine Bueira Loureiro Instituto Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1678-4634202147226115%20

Palavras-chave:

Aprendizagem, Empreendedorismo, Neoliberalismo

Resumo

Nas últimas décadas, as reformas educacionais têm se baseado cada vez mais na lógica do mercado e na norma neoliberal de um sujeito autorregulado, flexível e empreendedor. No Brasil, a partir de diversas parcerias público-privadas, difundiu-se a chamada “pedagogia empreendedora”, que procura utilizar o dispositivo escolar para disseminar a cultura do empreendedorismo entre crianças e jovens. Informada pela racionalidade econômica neoliberal, essa forma pedagógica sustenta que a adoção de uma atitude empreendedora em todas as esferas da vida é a chave para realizar objetivos como autorrealização, bem-estar material e satisfação pessoal. De acordo com essa lógica, para se adaptar a uma economia em contínua mudança e cada vez mais competitiva, é necessário que o indivíduo aprenda a ser autor e protagonista de sua própria vida, responsabilizando-se pelo aprendizado permanente das competências e habilidades demandadas pelo mercado. Para realizar este ensaio, consideramos estudos sobre a pedagogia empreendedora no Brasil, além de programas específicos e parcerias público-privadas, tendo como sustentação a teoria social contemporânea. Os resultados encontrados não têm como intenção representar a totalidade de ações na área da educação empreendedora no Brasil, mas apontar a disseminação do empreendedorismo como um modelo normativo que incita o sujeito a se conceber como uma empresa e a aceitar riscos, segundo uma racionalidade atuarial, que responsabiliza o estudante por sua própria formação, seu sucesso ou fracasso. Assim, a pedagogia empreendedora não só vende uma ilusão, mas reduz o espaço para formas alternativas de conceber a educação como direito do cidadão e bem comum.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2021-06-23

Como Citar

Alves, A., Klaus, V. ., & Loureiro, C. B. . (2021). Do sonho à realização: pedagogia empreendedora, empresariamento da educação e racionalidade neoliberal. Educação E Pesquisa, 47, e226115. https://doi.org/10.1590/S1678-4634202147226115

Edição

Seção

Artigos