A formação de adultos confrontada pelo imperativo biográfico

Autores

  • Pierre Dominicé Université de Genève

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1517-97022006000200010

Palavras-chave:

Vida adulta, Biografia educativa, História de vida, Construção biográfica

Resumo

O texto tem como foco a questão da educação de adulto nos dias de hoje. Tem em vista oferecer elementos que contribuam para a formação de outrem ao considerar que todo formador precisa conhecer melhor o que foi formador em sua própria história de vida. Defende a idéia de que a construção biográfica tende a se tornar a finalidade principal da formação de adultos, mas é preciso buscar novos horizontes de construção biográfica, pois o curso da vida experimenta, em razão da ruptura de linearidade que tem caracterizado a maior parte dos percursos profissionais, novas tensões, mas também aberturas inusitadas. Nesse sentido, considera a pluralidade biográfica que caracteriza os contextos sociais da vida contemporânea. A instabilidade ambiente, a perda de referências culturais, a rapidez da emergência das novas tecnologias obrigam a uma espécie de reconversão das bases educativas nas quais se fundam as histórias de vida. O processo de formação torna-se uma longa busca de si em um mundo que demanda uma forte consistência pessoal para enfrentar os desafios que cada um deve encarar na sociedade atual. Essa experimentação existencial irá de certo surpreender, particularmente em contextos de conformidade social, porque ela favorecerá trajetórias insólitas e opções aparentemente contraditórias. Nós estaremos, em todo o caso, diante de confrontos entre gerações que, por causa de suas divergências biográficas, podem ter dificuldade de se reconhecer mutuamente. O relato biográfico educativo praticado no ensino universitário, em Genebra, fornece inúmeras ilustrações dos desafios biográficos enfrentados especialmente pelos profissionais da formação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2006-08-01

Como Citar

Dominicé, P. (2006). A formação de adultos confrontada pelo imperativo biográfico . Educação E Pesquisa, 32(2), 345-357. https://doi.org/10.1590/S1517-97022006000200010

Edição

Seção

Em Foco: Histórias de vida e formação