Correspondência entre Espinosa e Oldenburg

Autores

  • Fernando Bonadia de Oliveira Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Instituto de Educação

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2447-9012.espinosa.2021.192039

Resumo

Resenha da tradução Correspondência entre Espinosa e Oldenburg. Tradução, apresentação, estudo, preparação do texto latino e notas: Samuel Thimounier Ferreira. Belo Horizonte: Autêntica. Coleção: Filô: Espinosa (2021). 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AGUILAR, C. (2020). La razón del gusano: mereología en la filosofía de Spinoza. Cadernos Espinosanos, São Paulo, n. 43, jul-dez., p. 55-80.

BOAS HALL, M. Robert Boyle on natural philosophy: an essay with selections from his writings. Bloomington/London: Indiana University Press, 1965.

CHAUI, M. (1999). A nervura do real I. São Paulo: Companhia das Letras.

CHAUI, M. (2016). A nervura do real II. São Paulo: Companhia das Letras.

DELEUZE, G. (2002). Espinosa – filosofia prática. Tradução: D. Lins e F. Lins. São Paulo: Escuta.

DELEUZE, G. (2017). Espinosa e o problema da expressão. Tradução: L. Orlandi (coord.). São Paulo: Editora 34.

ESPINOSA, B. (2013). Carta LVIII (Outubro de 1674). Tradução: Samuel Thimounier Ferreira. Conatus, n. 13, julho, p. 77-79.

ESPINOSA, B. (2021). Correspondência entre Espinosa e Oldenburg. Tradução, apresentação, estudo, preparação do texto latino e notas: Samuel Thimounier Ferreira. Belo Horizonte: Autêntica. Coleção: Filô: Espinosa.

FERREIRA, M. (2010). Espinosa e a relação todo/partes. Conatus, n. 4, dezembro, p. 83-98.

FERREIRA, S. (2021). Apresentação. In: ESPINOSA, Bento de. Correspondência entre Espinosa e Oldenburg. Tradução, apresentação, estudo, preparação do texto latino e notas: Samuel Thimounier Ferreira. Belo Horizonte: Autêntica. Coleção: Filô: Espinosa, p. 9-130.

LEVY, L. (1998). O autômato espiritual: a subjetividade moderna segundo a Ética de Espinosa. Porto Alegre: LP&M.

SACKSTEDER, W. (1977). Spinoza on Part and Whole: The Worm’s Eye View. The Southwestern Journal of Philosophy, v. 8, n. 3, outon., p. 139-159.

SACKSTEDER, W. (1985). Simple Wholes and complex Parts: Limiting principles in Spinoza. Philosophy and Phenomenological Research, v. 45, n. 3, mar., p. 393-406.

SPINOZA, B. (1972) Spinoza Opera. Ed. Carl Gebhardt, 4v. Heidelberg: Carl Winter.

ZATERKA, L. (2004). A filosofia experimental na Inglaterra do século XVII: Francis Bacon e Robert Boyle. São Paulo: Humanitas/Fapesp.

Downloads

Publicado

2021-12-30

Como Citar

Oliveira, F. B. de. (2021). Correspondência entre Espinosa e Oldenburg. Cadernos Espinosanos, (45), 293-300. https://doi.org/10.11606/issn.2447-9012.espinosa.2021.192039

Edição

Seção

Resenhas