[1]
A. Gatto, “As regras de Descartes: uma epistemologia interrompida”, Cad. espinosanos, nº 46, p. 15-29, jun. 2022.