O duplo condicionamento tensivo e retórico das estruturas elementares da significação

Autores

  • Claude Zilberberg  Séminaire Intersémiotique de Paris

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1980-4016.esse.2021.183935

Palavras-chave:

Complexidade, Estrutura, Extensidade, Intensidade, Retórica, Tensividade

Resumo

Tendo por referência o modelo do "percurso gerativo do sentido" (A. J. Greimas), este artigo discute, em primeiro lugar, a possibilidade de reinterpretar suas chamadas "estruturas elementares" não apenas em termos de uma inspiração "lógica", na continuidade da tradição aristotélica, nem tampouco de uma inspiração "fonológica", apoiada nos trabalhos do Círculo linguístico de Praga, mas, radicalizando as intuições dos linguistas dinamarqueses, em uma direção topologizante, que (i) concede aos termos confrontados a deformabilidade que lhes falta nas interpretações anteriores, e (ii) dando a primazia epistemológica ao complexo, leva a repensar os valores como posições em um fluxo, havendo "menores" ou "maiores" intervalos a separá-los. Tais cifras infracategoriais de "menos" e "mais" são lidas, enfim, como um convite à retorização da semiótica, pois a retórica tropológica, que sempre trabalhou sobre a dimensão do discurso e sempre se interessou pelas intensificações de seus efeitos, pode trazer ricos esclarecimentos a esse ponto teórico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claude Zilberberg,  Séminaire Intersémiotique de Paris

Séminaire Intersémiotique de Paris, France. Website pessoal: www.claudezilberberg.org.

Referências

ALDAMA, Juan Alonso; BERTRAND, Denis, COSTANTINI, Michel, DAMBRINE, Sylvain (dir.). Transversalité du sens. Saint-Denis: Presses Universitaires de Vincennes, 2006.

CASSIRER, Ernst. Filosofia das formas simbólicas 1. Trad. Marion Fleischer. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

CASSIRER, Ernst. Filosofia das formas simbólicas 2. Trad. Cláudia Cavalcanti. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

CASSIRER, Ernst. Filosofia das formas simbólicas 3. Trad. Eurides Avance de Souza. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

CASSIRER, Ernst. Ensaio sobre o homem: introdução a uma filosofia da cultura humana. Trad. Tomás Rosa Bueno. São Paulo: Martins Fontes, 1994 [1944].

FONTANILLE, Jacques; ZILBERBERG, Claude. Tensão e significação. Trad. Ivã Carlos Lopes, Luiz Tatit e Waldir Beividas. São Paulo: Discurso Editorial: Humanitas/FFLCH/USP, 2001.

GREIMAS, Algirdas Julien. Sobre o sentido: ensaios semióticos. Trad. Ana Cristina Cruz Cezar. Petrópolis: Vozes, 1975.

GREIMAS, Algirdas Julien; COURTÉS, Joseph. Dicionário de Semiótica. Trad. Alceu Dias Lima et alii. São Paulo: Contexto, 2008 [1979].

GREIMAS, Algirdas Julien; COURTÉS, Joseph. (dir.). Sémiotique. Dictionnaire raisonné de la théorie du langage, tome II. Paris: Hachette, 1986.

HJELMSLEV, Louis. Le langage. Paris: Minuit, 1971.

HJELMSLEV, Louis. La catégorie des cas. Munique: W. Fink, 1972.

HJELMSLEV, Louis. Ensaios Linguísticos. Trad. Antônio de Pádua Danesi. São Paulo, Perspectiva, 1991.

HJELMSLEV, Louis. Prolegômenos a uma teoria da linguagem. Trad. J. Teixeira Coelho Netto. São Paulo: Perspectiva, 2009 [1943].

RIEGL, Aloïs; PÄCHT, Otto Grammaire historique des arts plastiques: volonté artistique et vision du monde. Trad. Éliane Kaufholz. Paris: Klincksieck, 1978 [1966].

SAUSSURE, Ferdinand de. Cours de linguistique générale. Paris : Payot, 1962 [1916].

SAUSSURE, Ferdinand de. Curso de Linguística Geral. Trad. Antônio Chelini, José Paulo Paes e Izidoro Blikstein. São Paulo: Cultrix, 2006.

VALÉRY, Paul. Œuvres, tome II. Paris: Gallimard / La Pléiade, 1960.

Downloads

Publicado

2021-04-15

Como Citar

Zilberberg, C. (2021). O duplo condicionamento tensivo e retórico das estruturas elementares da significação. Estudos Semióticos, 17(1), 46-58. https://doi.org/10.11606/issn.1980-4016.esse.2021.183935

Edição

Seção

Artigos