Pulsações de sentido em "O pulsar": uma possível leitura

Autores

  • Marcelo Tápia Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas; Departamento de Linguística

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1980-4016.esse.2007.49193

Palavras-chave:

análise semiótica, poesia visual, Augusto de Campos

Resumo

Este artigo pretende realizar uma leitura analítica do poema "O pulsar", de Augusto de Campos, a partir de conceitos da semiótica de C. S. Peirce e da semiótica desenvolvida a partir das proposições de A. J. Greimas. Tal leitura considera as relações paradigmáticas entre significantes "verbais" e aquelas estabelecidas pelos elementos sígnicos "visuais" presentes no poema, envolvidas na construção de uma relação semi-simbólica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-12-05

Como Citar

Tápia, M. (2007). Pulsações de sentido em "O pulsar": uma possível leitura. Estudos Semióticos, (3). https://doi.org/10.11606/issn.1980-4016.esse.2007.49193

Edição

Seção

Artigos