A sanção cognitiva e a sanção pragmática nos romances policiais da década de 1970

Autores

  • Fernanda Massi Universidade Estadual Paulista J. M. Filho
  • Arnaldo Cortina Universidade Estadual Paulista J. M. Filho

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1980-4016.esse.2008.49209

Palavras-chave:

sanção, detetive, criminoso

Resumo

Partindo da semiótica greimasiana, este trabalho analisa o esquema narrativo de quatro romances policiais da década de 1970 e apresenta as diferenças entre as duas sanções encontradas: sanção cognitiva e sanção pragmática. Dois romances seguem o modelo clássico de romance policial, enquanto os outros dois apresentam exceções.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-12-07

Como Citar

Massi, F., & Cortina, A. (2008). A sanção cognitiva e a sanção pragmática nos romances policiais da década de 1970. Estudos Semióticos, (4). https://doi.org/10.11606/issn.1980-4016.esse.2008.49209

Edição

Seção

Artigos