O manejo clínico com adolescentes autistas e psicóticos em instituição

Autores

  • Angélica Bastos Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Katia Alvares de Carvalho Monteiro Instituto Municipal Philippe Pinel -RJ
  • Mariana Mollica da Costa Ribeiro Instituto Municipal Philippe Pinel -RJ

Palavras-chave:

Adolescência, Autismo, Psicose, Tratamento em instituição, Psicanálise

Resumo

O artigo tem por objetivo discutir o manejo clínico de questões relativas à passagem da infância à adolescência no tratamento do autismo e da psicose em instituição. O trabalho traça as linhas gerais da trajetória de um serviço criado no final da década de 80 com o intuito de atender à clientela mais grave que se dirigia à rede pública de assistência em saúde mental do município do Rio de Janeiro. A partir de alguns fragmentos clínicos, apresenta-se a construção do caso em equipe, a intervenção e seus efeitos. Complementarmente, aborda-se o encerramento do tratamento e o encaminhamento daqueles que finalizam seu percurso na instituição.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2020-05-22

Como Citar

Bastos, A., Monteiro, K. A. de C., & Ribeiro, M. M. da C. (2020). O manejo clínico com adolescentes autistas e psicóticos em instituição. Estilos Da Clinica, 10(19), 182-193. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/estic/article/view/169984

Edição

Seção

Experiência Institucional