A psicanálise como possibilidade de escuta do mal-estar na contemporaneidade

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-1624.v27i2p264-279

Palavras-chave:

Psicanálise, mal-estar, escuta, contemporaneidade

Resumo

Este artigo realiza uma investigação acerca das manifestações de mal-estar e das facetas do adoecimento psíquico dos sujeitos no cenário atual. Na contemporaneidade, o processo cultural evidencia o desafio em abordar as formas de subjetivação diante da relação inescapável entre sujeito e discurso civilizatório. Assim, este estudo pretende, primeiramente, localizar possíveis diretrizes psicanalíticas para suspender os impasses clínicos que surgem diante sujeito, uma vez que este está à mercê e atravessado pela linguagem. Por fim, com alicerce dos fundamentos psicanalíticos, constata-se que as ideias de Freud e Lacan ainda  permitem importantes articulações entre a teoria do inconsciente e o fazer clínico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gloria Sadala, Universidade Veiga de Almeida

Psicanalista. Docente e coordinadora do Programa de Pós-graduação em Psicanálise, Saúde e Sociedade  da Universidade Veiga de Almeida e professora do Curso de Especialização em Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. 

Kleber Barbosa dos Santos, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro

Psicólogo e psicanalista participante dos Fóruns Rio de Janeiro e Nova Iguaçu de EPFCL. Especialização em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Referências

Backes, C. (2007). A clínica psicanalítica na contemporaneidade. Editora da UFRGS. Doi: https://doi.org/10.7476/9788538603870

Bauman, Z. (1998). O mal-estar da pós-modernidade. Jorge Zahar.

Bauman, Z. (2001). Modernidade líquida. Jorge Zahar.

Dayrell, M. A. (2003). A pulsão, seus destinos e final de análise. Estudos de Psicanálise, 26, 81-88.

Dunker, C. (2015). Mal-estar, sofrimento e sintoma. Boitempo.

Elia, L. (2007). O conceito de sujeito. Jorge Zahar.

Fink, B. (1998). O sujeito lacaniano: entre a linguagem e o gozo. Jorge Zahar.

Freitas, F., & Amarante, P. (2017). Medicalização em psiquiatria. Fiocruz.

Freud, S. (1996). Moral sexual ‘civilizada’ e doença nervosa moderna. In S. Freud, Edição standard brasileira das obras psicológicas completas de Sigmund Freud (J. Salomão Trad.,Vol. 9, pp. 165-186). Imago. (Trabalho original publicado em 1908)

Freud, S. (2010). O mal-estar na civilização. In S. Freud, Obras completas, volume 18: O mal-estar na civilização, novas conferências introdutórias à psicanalise e outros textos (1930-1936) (P. C. de Souza, Trad., pp. 13-354). Companhia das Letras. (Trabalho original publicado em 1930)

Freud, S. (2011). Psicanálise e teoria da libido. In S. Freud, Obras completas, volume 15: Psicologia das massas e análise do eu e outros textos (1920-1923). (P. C. de Souza Trad., pp. 273-308). Companhia das Letras. (Trabalho original publicado em 1923)

Freud, S. (2011). Psicologia das massas e análise do eu. In S. Freud, Psicologia das massas e análise do eu e outros textos (1920-1923) (P. C. de Souza Trad., Vol. 15, pp. 13-113). Companhia das Letras. (Trabalho original publicado em 1921)

Freud, S. (2014). Uma dificuldade da psicanálise. In S. Freud, Obras completas, volume 14: História de uma neurose infantil (“O homem dos lobos”), além do princípio do prazer e outros textos (1917-1920) (P. C. de Souza Trad., pp. 179-311). Companhia das Letras. (Trabalho original publicado em 1917)

Freud, S. (2014). Inibição, sintoma e angústia. In S. Freud, Obras completas, volume 17: Inibição, sintoma e angústia, O futuro de uma ilusão e outros textos (1926 1929) (P. C. de Souza Trad., pp. 13-123). Companhia das Letras. (Trabalho original publicado em 1926)

Freud, S. (2019). Obras completas, volume 4: A interpretação dos sonhos. (P. C. de Souza Trad.). Companhia das Letras. (Trabalho original publicado em 1900)

Fuks, B. B. (2003). Freud e a cultura. Jorge Zahar.

Jorge, M. A. C. (2017). Fundamentos da psicanálise de Freud a Lacan, vol.3: a prática analítica. Jorge Zahar.

Lacan, J. (1992). O seminário, livro 17: o avesso da psicanálise, 1969-1970. Jorge Zahar.

Lacan, J. (1998). A ciência e a verdade. In J. Lacan, Escritos (pp. 869- 892). Jorge Zahar. (Trabalho original publicado em 1966)

Lacan, J. (1998). Função e campo da fala e da linguagem. In J. Lacan, Escritos (pp. 238-324). Rio de Janeiro: Jorge Zahar. (Trabalho original publicado em 1953)

Lacan, J. (1998). O estádio do espelho como formador da função do eu. In J. Lacan, Escritos (pp. 96-103). Jorge Zahar. (Trabalho original publicado em 1949)

Lacan, J. (1998). Subversão do sujeito e a dialética do desejo no inconsciente freudiano. In J. Lacan, Escritos. (pp. 807-842). Jorge Zahar. (Trabalho original publicado em 1960)

Lacan, J. (2003). O engano do sujeito suposto saber. In J. Lacan, Outros escritos (pp. 329-340). Jorge Zahar. (Trabalho original publicado em 1967)

Lacan, J. (2005). O seminário: livro 10: a angústia, 1962-1963. Zahar.

Lacan, J. (2008). O seminário: livro 11: os quatro conceitos fundamentais da psicanálise, 1964. Zahar.

Laplanche, J., & Pontalis, J. B. (1996). Vocabulário da psicanálise. Martins Fontes.

Lipovetsky, G. (2005). A era do vazio: ensaios sobre o individualismo contemporâneo. Manole.

Quinet, A. (2000). A descoberta do inconsciente: do desejo ao sintoma. Jorge Zahar.

Quinet, A. (2002). As 4+1 condições da análise. (9a. ed.). Jorge Zahar.

Quinet, A. (2006). A psicose e laço social esquizofrenia, paranoia e melancolia. Jorge Zahar.

Rinaldi, D.; Ribeiro, M. A. C.; Pollo, V. (2017). Questões contemporâneas: proximidade e imagem, entre a ética e o gozo. Estudos e Pesquisas em Psicologia, 17(2), 693-706. Disponível em http://pepsic.bvsalud.org/pdf/epp/v17n2/v17n2a15.pdf

Santos, A. B. R.; Ceccarelli, P. R. (2010, junho). Psicanálise e moral sexual. Reverso, 32(59), 23-30. Disponível em http://pepsic.bvsalud.org/pdf/reverso/v32n59/v32n59a03.pdf

Siqueira, E.; Fonte, R. V. C. da. (1993, outubro). Discurso e desejo na direção da cura. Estudos de Psicanálise, 16, 20-24.

Soler, C. (2012). Lacan, o inconsciente reinventado. Cia de Freud.

Downloads

Publicado

2022-08-31

Como Citar

Sadala , M. da G. S. ., & Santos, K. B. dos . (2022). A psicanálise como possibilidade de escuta do mal-estar na contemporaneidade. Estilos Da Clinica, 27(2), 264-279. https://doi.org/10.11606/issn.1981-1624.v27i2p264-279

Edição

Seção

Artigos