Bernardino, L. M. F. (2015) “ A importância da escrita na clínica do autismo ”, Estilos da Clinica, 20(3), p. 504-519. doi: 10.11606/issn.1981-1624.v20i3p504-519.