[1]
B. M. A. de Souza e A. C. LoBianco, “Adoção tardia, filiação e devolução de crianças: uma realidade brasileira”, Estilos Clín. (Online), vol. 26, nº 2, p. 342-355, ago. 2021.