Acidentes de trabalho envolvendo mãos: casos atendidos em um serviço de reabilitação

Autores

  • Mariana Angélica Peixoto Souza Universidade Federal de Minas Gerais; Depto. de Fisioterapia
  • Lúcia Helena de Assis Cabral Universidade Federal de Minas Gerais; Depto. de Fisioterapia
  • Rosana Ferreira Sampaio Universidade Federal de Minas Gerais; Depto. de Fisioterapia
  • Marisa Cotta Mancini UFMG; Depto. de Terapia Ocupacional

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1809-29502008000100011

Palavras-chave:

Acidentes de trabalho^i1^sestatística e dados numéri, Acidentes de trabalho^i1^sprevenção e contr, Serviços de saúde do trabalhador, Traumatismos da mão

Resumo

O objetivo do estudo foi caracterizar os casos de lesões na mão relacionadas ao trabalho atendidos no Setor de Terapia da Mão do Hospital Maria Amélia Lins, em Belo Horizonte, MG. Foram analisados 711 protocolos de avaliação dos pacientes atendidos de janeiro 2004 a dezembro 2005, dos quais 238 corresponderam a acidentes do trabalho, com 87% de homens e média de idade 34 anos. Em 45% dos casos, a lesão foi no lado direito, sendo o não-dominante mais acometido (52%). Manutenção e/ou reparação (35%) e serviços e/ou comércio (33%) foram as categorias ocupacionais com maior índice de acidentes e as máquinas o principal agente causador (57%). Tendão (29%) e osso (23%) foram as estruturas mais lesadas, sendo atingidos principalmente os dedos (73%) e as mãos (18%). A grande maioria dos pacientes (80%) levaram de 2 a 60 dias após o acidente para iniciar a reabilitação e a mediana do tempo de tratamento foi 55 dias. As associações da ocupação do paciente com o agente causador e com a estrutura lesada foram significativas (p<0,05), bem como as associações entre agente causador e estrutura lesada e dessa com o tempo decorrido entre a lesão e início da reabilitação. Tipo de lesão e agente causador estavam associados ao tempo em reabilitação, explicando porém apenas 6,7% de sua variabilidade. Essas características das lesões ocupacionais das mãos devem ser consideradas no planejamento das ações de prevenção e de melhoria dos serviços de saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-01-01

Como Citar

Souza, M. A. P., Cabral, L. H. de A., Sampaio, R. F., & Mancini, M. C. (2008). Acidentes de trabalho envolvendo mãos: casos atendidos em um serviço de reabilitação . Fisioterapia E Pesquisa, 15(1), 64-71. https://doi.org/10.1590/S1809-29502008000100011

Edição

Seção

Pesquisa Original