Quedas intra-hospitalares na santa casa de Belo Horizonte MG são adequadamente relatadas?

Autores

  • Joana Ude Viana Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais
  • Mara Carvalho de Oliveira Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais
  • Télcia Vasconcelos Magalhães Santa Casa de Belo Horizonte; Clínica Médica

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1809-29502011000100013

Palavras-chave:

idosos, quedas, hospitalização

Resumo

O envelhecimento populacional é uma realidade que chega imbuída de complicações as quais muitas vezes tornam-se problema de saúde pública, como é o caso das quedas hospitalares. Estas acarretam uma série de conseqüências negativas ao paciente e sua família, bem como ao sistema de saúde. O objetivo deste estudo foi avaliar e quantificar, por meio de entrevistas com os profissionais responsáveis pelos cuidados dos pacientes da Santa Casa de Belo Horizonte, a ocorrência de quedas durante a hospitalização. Foram entrevistados 37 profissionais (médicos, residentes, enfermeiros e prestadores de serviços) através de questionário semi-estruturado com 11 questões referentes ao histórico de quedas no setor, englobando informações sobre número de episódios, local, horário, idade do paciente, atividade que realizava no momento, conseqüências, bem como questões referentes à adaptação ambiental. A análise dos dados feita por meio de estatísticas descritivas. Os resultados mostraram que 65% dos funcionários relataram a ocorrência de quedas. A maioria dos caidores (73%) eram homens, com média de idade de 78,62 anos (DP +- 7,63) e caíram mais nos períodos da manhã (31%) e noite (31%), principalmente no quarto (48%) e no banheiro (42%) sendo que 50% dos episódios não foram injuriosos. Conclui-se que os episódios de quedas ocorrem no ambiente hospitalar, mas não são reportados de maneira adequada, tornando necessário adoção de medidas educativas aos profissionais que lidam com esta população.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-03-01

Como Citar

Viana, J. U., Oliveira, M. C. de, & Magalhães, T. V. (2011). Quedas intra-hospitalares na santa casa de Belo Horizonte MG são adequadamente relatadas? . Fisioterapia E Pesquisa, 18(1), 72-78. https://doi.org/10.1590/S1809-29502011000100013

Edição

Seção

Pesquisa Original