A classe da NYHA tem relação com a condição funcional e qualidade de vida na insuficiência cardíaca

Autores

  • Fábio Cangeri Di Naso Centro Universitário Metodista IPA
  • Juliana Saraiva Pereira Centro Universitário Metodista IPA
  • Simone Zani Beatricci Centro Universitário Metodista IPA
  • Renata Giovana Bianchi Centro Universitário Metodista IPA
  • Alexandre Simões Dias UFRGS
  • Mariane Borba Monteiro Centro Universitário Metodista IPA

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1809-29502011000200010

Palavras-chave:

insuficiência cardíaca, espirometria, qualidade de vida

Resumo

A insuficiência cardíaca (IC) é uma síndrome que se apresenta com crescente prevalência, podendo limitar o indivíduo quanto à capacidade físico-funcional, condição pulmonar e qualidade de vida. Este estudo tem como objetivo verificar as limitações pulmonares e físicas, bem como a qualidade de vida dos pacientes e compará-las com as classes funcionais da New York Heart Association (NYHA). Estudo transversal, com amostra de 66 pacientes (45 homens). Foram aplicados uma ficha de avaliação padronizada e o questionário de qualidade de vida Short Form-36 (SF-36). Foram realizados espirometria, manovacuometria e o teste da caminhada de seis minutos (TC6M). Os pacientes (classe I: 24 indivíduos, classe II: 27 e classe III: 15) possuíam uma média de idade de 57,95±10,96 anos e representaram uma amostra com características antropométricas homogêneas. Para a condição pulmonar, observou-se diferença estatística quanto a Capacidade Vital Forçada (CVF), Pico de Fluxo Expiratório e Pressão Expiratória Máxima (Pemáx). Na distância do TC6M houve diferença entre classe I e III e entre II e III (classe I: 439,27±58,85 m, classe II: 370,96±74,41 m e classe III: 268,96±83,88 m), com p<0,001. Para o SF-36, houve decréscimo da qualidade de vida conforme o agravo das classes funcionais. Pacientes com IC apresentam diminuição da condição pulmonar, capacidade físico-funcional e qualidade de vida relacionada ao aumento da classe funcional da NYHA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-06-01

Como Citar

Di Naso, F. C., Pereira, J. S., Beatricci, S. Z., Bianchi, R. G., Dias, A. S., & Monteiro, M. B. (2011). A classe da NYHA tem relação com a condição funcional e qualidade de vida na insuficiência cardíaca . Fisioterapia E Pesquisa, 18(2), 157-163. https://doi.org/10.1590/S1809-29502011000200010

Edição

Seção

Pesquisa Original