Avaliação funcional do movimento: incidência do valgo dinâmico do joelho em mulheres praticantes de musculação e sedentárias

Palavras-chave: Fisioterapia, Valgo de Joelho, Movimento

Resumo

A avaliação do movimento é importante e necessária para identificar os riscos de lesão possibilitando a elaboração de programas de exercícios preventivos e corretivos, visando a melhora do desempenho das atividades funcionais e o consequente bem-estar. O objetivo deste estudo foi analisar e comparar a incidência do valgo dinâmico do joelho em mulheres praticantes de musculação e mulheres sedentárias, e identificar os sintomas álgicos e o potencial de lesão associados a essa alteração biomecânica. Sessenta mulheres foram divididas em dois grupos: praticantes de musculação e sedentárias, com idade entre 18 e 30 anos. Os dados foram coletados utilizando-se o sistema Functional Movement Screen e foram submetidos a análises estatísticas descritiva e inferencial. O valgo dinâmico do joelho é apresentado por 60% das mulheres sedentárias, quando comparadas às mulheres praticantes de musculação (33,3%), demonstrando associação entre o valgo dinâmico e o sedentarismo (p<0,03). Não houve associação entre a dor e o valgo dinâmico do joelho (p>0,06) para ambos os grupos. Das mulheres sedentárias, 50,0% apresentaram escore FMS abaixo de seis pontos, representando alto risco de lesão. Conclui-se que mulheres sedentárias apresentam maior predisposição ao valgismo dinâmico do joelho, maior sintomatologia dolorosa e maior risco de lesão nos membros inferiores.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-08-19
Como Citar
Cavalcanti, R., Araújo, V., Vasconcelos, D., & Silva Júnior, W. (2019). Avaliação funcional do movimento: incidência do valgo dinâmico do joelho em mulheres praticantes de musculação e sedentárias. Fisioterapia E Pesquisa, 26(2), 120-126. https://doi.org/10.1590/1809-2950/17017026022019
Seção
Pesquisa Original