Efeitos local e sistêmico do laser de baixa potência no limiar de dor por pressão em indivíduos saudáveis

Autores

  • Stella Pelegrini Universidade Paulista (Unip)
  • Roberta Ceila Venancio Universitário Sant'Anna (UniSant'Anna)
  • Richard Eloin Liebano Unicid

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1809-29502012000400009

Palavras-chave:

terapia a laser, medição da dor, limiar da dor, analgesia

Resumo

O laser de baixa potência é utilizado como recurso terapêutico para controle da dor. Porém, ainda é questionado o real efeito como também a dosimetria mais eficaz para esse efeito analgésico. Assim, este estudo teve como objetivo avaliar os efeitos local e sistêmico do laser de baixa potência no limiar de dor por pressão, em indivíduos saudáveis. Cento e cinquenta indivíduos foram distribuídos aleatoriamente em cinco grupos: Controle, Laser Placebo, 3 J, 6 J e 12 J. Para avaliar o limiar de dor, utilizou-se um algômetro de pressão em cinco tempos distintos. Na região da mão dominante do indivíduo, foi realizado o laser e a algometria para verificar o efeito local. Já naquela da perna dominante, realizou-se somente a algometria para verificar efeito sistêmico do laser de baixa potência. Houve redução local do limiar de dor por pressão no Grupo 3 J em comparação com os grupos Controle (p=0,0016) e Placebo (p=0,004), e não houve alteração sistêmica do limiar de dor por pressão. O laser de baixa potência, quando utilizado com energia de 3 J, reduziu o limiar de dor por pressão local em indivíduos saudáveis, porém não houve alteração sistêmica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-12-01

Como Citar

Pelegrini, S., Venancio, R. C., & Liebano, R. E. (2012). Efeitos local e sistêmico do laser de baixa potência no limiar de dor por pressão em indivíduos saudáveis . Fisioterapia E Pesquisa, 19(4), 345-350. https://doi.org/10.1590/S1809-29502012000400009

Edição

Seção

Pesquisa Original