Estrutura e funcionamento das paisagens litorâneas cearenses à luz da Geoecologia das Paisagens

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2020.121030

Palavras-chave:

geoecologia, litoral, modelos em geografia física, planejamento e gestão da zona costeira., Estrutura da paisagem

Resumo

Este artigo versa sobre a análise da estrutura e do funcionamento das paisagens da APA do estuário do rio Curu, no litoral oeste do Ceará, Nordeste do Brasil. Por meio da Geoecologia das Paisagens, definem-se conceitos relativos à organização estruturo-funcional da paisagem, e também se discute sua aplicabilidade. Apresenta-se o método de quantificação da estrutura da paisagem para análise de padrões espaciais e suas diferenciações, indicando sua composição em mosaico. Apresenta-se um mapa funcional das paisagens que permite esclarecer os mecanismos que regem o funcionamento da paisagem em tela.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Rita Vidal, Universidade do Sul e Sudeste do Pará. Faculdade de Geografia da Universidade do Sul e Sudeste do Pará

Doutora em Geografia pela Universidade Federal do Ceará- UFC, Professora junto ao Instituto de Ciências Humanas - Faculdade de Geografia da Universidade do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA), Pesquisadora associada junto ao Grupo de Estudos Espaço e Ambiente no Sudeste do Pará- GEEASPA da Unifesspa.

Abraão Levi dos Santos Mascarenhas, Universidade do Sul e Sudeste do Pará. Faculdade de Geografia da Universidade do Sul e Sudeste do Pará

Mestre em Geografia pela Universidade Federal do Ceará- UFC, atualmente é professor junto ao Instituto de Ciências Humanas - Faculdade de Geografia da Universidade do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA), Pesquisador do Grupo de Estudos Espaço e Ambiente no Sudeste do Pará- GEEASPA da Unifesspa.

Referências

BESSE, J. M. Ver a terra: seis ensaios sobre a paisagem e a geografia. Trad. Vladimir Bartalini. São Paulo: Perspectiva, 2006.

CHRISTOFOLETTI, A. Modelagem de sistemas ambientais. São Paulo: Blücher, 1999.

CLAUDINO-SALES, V.; CARVALHO, A. M. Dinâmica costeira controlada por promontórios no estado do Ceará, Nordeste do Brasil. Geociências, São Paulo, v. 33, n. 4, p. 579-595, 2014. Disponível em: http://www.ppegeo.igc.usp.br/index.php/GEOSP/article/view/7317/6761. Acesso em: 10 ago. 2020.

DANTAS, E. W. C. La maritimité sous les Tropiques: les contributions d’une étude réalisée à Fortaleza (Ceará), Confins, v. 20, 2014. doi: https://doi.org/10.4000/confins.8889.

DARDEL, E. O homem e a terra: natureza da realidade geográfica. Trad. Werther Holzer. São Paulo: Perspectiva, 2011.

GOMES, P. C. C. Geografia e modernidade. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1996.

LE FLOCH, S. Bilan des définitions et méthodes d’évaluation du paysage. Ingénieries – Eau – Agriculture – Territoires, n. 5, p. 23-31, 1996. Disponível em: https://hal.archives-ouvertes.fr/hal-00476063/document. Acesso em: 10 ago. 2020.

MEIRELES, A. J. A.; CASSOLA, R. S.; TUPINAMBÁ, S. V.; QUEIROS, L. Q. Impactos ambientais decorrentes das atividades da carcinicultura ao longo do litoral cearense, Nordeste do Brasil. Mercator, Fortaleza, v. 6, n. 12, p. 83-106, 2007. Disponível em: http://www.mercator.ufc.br/mercator/article/view/48. Acesso em: 10 ago. 2020.

MEIRELES, A. J. A.; ARRUDA, M. G. C.; GORAYEB, A.; THIERS, P. R. L. Integração dos indicadores geoambientais de flutuações do nível relativo do mar e de mudanças climáticas no litoral cearense. Mercator, Fortaleza, v. 4, n. 8, v. 4, p. 109-134, 2005.

NASCIMENTO JUNIOR, D. R.; TOSSI, L. N. C.; OLIVEIRA, V. F.; LUCENA, B. B. Morfodinâmica, transporte e proveniência do sistema praia: duna frontal recente entre Itarema e Camocim, litoral oeste do Ceará. Quaternary and Environmental Geosciences, v. 8, n. 1, p. 24-45, 2017.

RODRÍGUEZ, J. M. M. La concepcion sobre los paisajes vista desde la Geografia. Boletim de Geografia, Maringá, v. 24, n. 1, p. 1-26, 2006. doi: https://doi.org/10.4025/bolgeogr.v24i1.12492.

RODRÍGUEZ, J. M. M.; SILVA, E. V. A classificação das paisagens a partir de uma visão Geossistêmica. Mercator, Fortaleza, v. 1, n. 1, p. 95-112, 2002. doi: https://doi.org/10.4215/rm.v1i1.198.

RODRÍGUEZ, J. M. M.; SILVA, E. V.; CAVALCANTI, A. P. B. Geoecologia das paisagens: uma visão geossistêmica da análise ambiental. Fortaleza: Ed. UFC, 2004.

RODRÍGUEZ, J. M. M.; SILVA, E. V.; VICENS, R. S. O legado de Sochava. GEOgraphia, v. 17, n. 33, 2015. doi: 10.22409/GEOgraphia2015.v17i33.a13704.

ROUGERIE, G.; BEROUTCHATCHVILI, N. Geossystemes et paysagens. Paris: Colin, 1991.

SARABIA, A. La teoria general de sistemas. Madri: Isdefe, 1995.

SOARES, F. M. Evolução das paisagens naturais do estado do Ceará – Brasil. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 28, n. 1, p. 63-80, 2008. doi: https://doi.org/10.5216/bgg.v28i1.4901.

SOTCHAVA, V. B. Introdução à teoria dos geossistemas. Novosibirsk, RU: Nauka, 1978.

SOTCHAVA, V. B. O estudo de geossistemas. São Paulo: IG-USP, 1977. (Coleção Método em Questão, 16.)

VASCONCELOS, F. P.; CORIOLANO, L. N. M. T. Impactos sócio-ambientais no litoral: um foco no turismo e na gestão integrada da zona costeira no estado do Ceará/Brasil. Revista da Gestão Costeira Integrada, v. 8, n. 2, p. 259-275, 2008. doi: https://doi.org/10.5894/rgci134.

VIDAL, M. R. Geoecologia das paisagens: fundamentos e aplicabilidades para o planejamento ambiental no baixo curso do rio Curu-Ceará-Brasil. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014.

VIDAL, M. R.; SILVA, E. V.; RODRÍGUEZ, J. M. M.; MASCARENHAS, A. L. S. Aplicação do enfoque funcional na interpretação geoecológica das paisagens. In: SILVA, C. N.; SILVA, J. M. P.; CHARGAS, C. A. N. (Org.). Geografia na Amazônia paraense: análise do espaço geográfico. Belém, PA: GAPTA/UFPA, 2014a. p. 149-170.

VIDAL, M. R.; SILVA, E. V.; RODRÍGUEZ, J. M. M.; MASCARENHAS, A. L. S. Análise de modelos funcionais em paisagens litorâneas. Revista do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, Belém, v. 1, n. 1, p. 103-116, 2014b. doi: http://dx.doi.org/10.17553/2359-0831/ihgp.n1v1p107-122.

Downloads

Publicado

2020-12-10

Como Citar

VIDAL, M. R.; MASCARENHAS, A. L. dos S. Estrutura e funcionamento das paisagens litorâneas cearenses à luz da Geoecologia das Paisagens. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 24, n. 3, p. 600-615, 2020. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2020.121030. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/121030. Acesso em: 16 abr. 2021.

Edição

Seção

Artigos