A comunidade Sinsei e a (U)topia da produção

Autores

  • Valéria de Marcos Universidade Federal da Paraíba. Departamento de Geociências

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.1997.123240

Palavras-chave:

produção comunitária, comunidade, (u)topia, camponês, identidade

Resumo

Formada por imigrantes japoneses no interior do estado de São Paulo e fruto da cisão da Comunidade Yuba, a Comunidade Sinsei vem mostrando, ao longo de seus 41 anos de existência, que a (u)topia da produção comunitária camponesa, mais do que viável, é possível. O presente artigo trata, de forma sintética, de sua origem, de sua forma de organização baseada no tripé assembléia, caixa comum e religião das atividades econômicas que realiza, da forma como vem construindo sua geografia e das perspectivas para o futuro da comunidade.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Valéria de Marcos, Universidade Federal da Paraíba. Departamento de Geociências

    Profa. Assistente do Depto. de Geociências - CCEN UFPB

Downloads

Publicado

1997-12-19

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

MARCOS, Valéria de. A comunidade Sinsei e a (U)topia da produção. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), São Paulo, Brasil, v. 1, n. 2, p. 41–47, 1997. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.1997.123240. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/123240.. Acesso em: 18 maio. 2024.