Distribuição espacial da ocorrência dos maiores totais diários de precipitação na RMSP e arredores em função da intensidade relativa da atividade urbana

Autores

  • Tarik Rezende de Azevedo Universidade de São Paulo. Faculdade Filosofia, Letras e Ciências Humanas. Departamento de Geografia

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2002.123774

Palavras-chave:

Precipitação atmosférica, atividade urbana

Resumo

Trata-se da variação da distribuição espacial dos maiores totais diários de precipitação atmosférica na Região Metropolitana de São Paulo e arredores em função da intensidade relativa da atividade urbana. Os dias com ocorrência de precipitação maior que 20mm e os dias em que ocorreram os 300 maiores totais pluviométricos na década de 90 foram classificados em dias "úteis" e "não úteis" Conclui-se que, em ambos os casos, a freqüência, o total precipitado e a intensidade da chuva nos dias úteis foram significativamente maiores em relação aos dos dias não úteis sobre a mancha urbana da Grande São Paulo e algumas áreas adjacentes

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tarik Rezende de Azevedo, Universidade de São Paulo. Faculdade Filosofia, Letras e Ciências Humanas. Departamento de Geografia

Geógrafo, Professor do Departamento de Geografia da Faculdade Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo e Colaborador do Laboratório de Climatologia e Biogeografia.

Downloads

Publicado

2002-12-06

Como Citar

AZEVEDO, T. R. de. Distribuição espacial da ocorrência dos maiores totais diários de precipitação na RMSP e arredores em função da intensidade relativa da atividade urbana. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 6, n. 2, p. 89-104, 2002. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2002.123774. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/123774. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos