Entre o ideal e o real rumo a sociedade urbana algumas considerações sobre o "Estatuto da Cidade

Autores

  • Ester Limonad Universidade Federal Fluminense
  • Jorge Luiz Barbosa Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2003.123796

Palavras-chave:

Estatuto da Cidade, Sociedade Urbana

Resumo

O objetivo deste ensaio é subsidiar a compreensão das formas particulares de produção do espaço urbano nas cidades brasileiras e as implicações que o "Estatuto da Cidade", em termos do Direito à Cidade, acarreta. Entendemos ser necessário, assim (i) situar, primeiro, nossa perspectiva analítica em relação às idealizações sobre o "Estatuto da Cidade" e a busca pela cidade ideal. Isto posto, trataremos de (ii) estabelecer alguns parâmetros metodológicos e proceder a uma diferenciação entre os diferentes agentes e circuitos de produção do espaço social - relacionados aos diferentes momentos da reprodução social; que permitam-nos.(iii) debruçarmos sobre o "Estatuto da Cidade", e refletir sobre as possíveis conseqüências de sua implementação e o que poderia ter sido, não fossem os vetos e emendas. E, (iv) para finalizar faremos algumas considerações teóricas iniciais, com base nas contribuições de Lefebvre, que permitam-nos situar, ainda que de maneira provisória, o "Estatuto da Cidade" em relação à possibilidade de reconquista do valor de uso e apropriação da cidade por parte de seus habitantes

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ester Limonad, Universidade Federal Fluminense

Programa de Pós-Graduação em Geografia Universidade Federal Fluminense

Jorge Luiz Barbosa, Universidade Federal Fluminense

Programa de Pós-Graduação em Geografia Universidade Federal Fluminense

Downloads

Publicado

2003-06-09

Como Citar

LIMONAD, E.; BARBOSA, J. L. Entre o ideal e o real rumo a sociedade urbana algumas considerações sobre o "Estatuto da Cidade. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 7, n. 1, p. 87-105, 2003. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2003.123796. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/123796. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos