Análise da distribuição e variabilidade da precipitação na Bacia do Paraná, Brasil, através de dados em ponto de grade.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2018.127350

Palavras-chave:

Índice de concentração, Precipitação, Bacia hidrográfica, Variabilidade da precipitação

Resumo

A finalidade do presente trabalho foi estudar e analisar a distribuição e variabilidade da precipitação na bacia do Paraná, em um período que compreende os anos de 1970 a 2014, utilizando-se dados diários em ponto de grade no formato NetCDF, um conjunto de dados disponível para a América do Sul que ajudam a melhorar a compreensão da variabilidade da precipitação espacial. Buscou-se compreender a variabilidade da precipitação na área de estudo através da concentração diária e mensal da mesma fazendo uso de dois índices estatísticos aplicados à Climatologia: o Índice de Concentração (IC), quantificação diária e o Índice de Precipitação Concentrada (IPC), quantificação mensal, ambos calculados no software R. A região estudada apresentou clima com marcada variabilidade e susceptibilidade a eventos extremos de inundações especialmente no extremo sul da bacia, onde a concentração diária da precipitação é intensa. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Beatriz Siqueira, Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

Departamento de Geografia

Instituto de Geociências

Climatologia.

Jonas Teixeira Nery, UNESP Ourinhos

Professor Livre Docente do curso de graduação em Geografia da UNESP Ourinhos, professor convidado dos programas de pós-graduação em Geografia da UNICAMP e do curso de Engenharia Ambiental da UNESP SOROCABA

Downloads

Publicado

2018-06-19

Como Citar

SIQUEIRA, B.; NERY, J. T. Análise da distribuição e variabilidade da precipitação na Bacia do Paraná, Brasil, através de dados em ponto de grade. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 22, n. 2, p. 380-393, 2018. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2018.127350. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/127350. Acesso em: 10 maio. 2021.

Edição

Seção

Artigos