A TRANSFORMAÇÃO DA MEMÓRIA EM MERCADORIA: FIM DA PRODUÇÃO FABRIL E A CONTINUIDADE DA “MARCA”

  • Sílvia Aparecida Guarnieri Ortigoza Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho". Departamento de Geografia
  • Mirlaine Rotoly de Freitas Universidade Federal de Lavras. Departamento de Engenharia Florestal
  • Fabiana da Silva Bitencourt Cândido Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"
Palavras-chave: Fábrica de chapéus, Espaço urbano, Produção do espaço, Dinâmica espacial, Desconstrução da paisagem.

Resumo

O resgate da história da Fábrica de Chapéus Sarkis foi retratado neste estudo. Buscou-se analisar as influências da referida fábrica no município de Itapira, principalmente na organização e produção do centro urbano e no cotidiano dos citadinos. Seu fechamento foi entendido a partir das mudanças da moda mundial e de seus reflexos no lugar Itapira – SP, Brasil. Este estudo contempla uma análise regressiva do período (décadas de 1920 a 1960) em que o chapéu era um acessório indispensável na vida cotidiana das pessoas. Reencontrando o presente, procurou-se entender o conteúdo da forma espacial que hoje se encontra em vestígios. O estudo é singular por identificar no espaço geográfico itapirense atual a peculiaridade da transformação da tradição da fábrica em mercadoria.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sílvia Aparecida Guarnieri Ortigoza, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho". Departamento de Geografia
Professora do Departamento de Geografia da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP de Rio Claro/SP).
Mirlaine Rotoly de Freitas, Universidade Federal de Lavras. Departamento de Engenharia Florestal
Professora do Departamento de Engenharia Florestal da Universidade Federal de Lavras (UFLA, Lavras/MG).
Fabiana da Silva Bitencourt Cândido, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"
Graduada em Geografia pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP de Rio Claro/SP).
Publicado
2008-04-30
Como Citar
Ortigoza, S., Freitas, M., & Cândido, F. (2008). A TRANSFORMAÇÃO DA MEMÓRIA EM MERCADORIA: FIM DA PRODUÇÃO FABRIL E A CONTINUIDADE DA “MARCA”. GEOUSP Espaço E Tempo (Online), (24), 50-62. https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2008.74096
Seção
Artigos