Erosão Costeira em Vilankulos

  • J. H. Menete Universidade Eduardo Mondlane
  • A. R. Zunguze Universidade Eduardo Mondlane
Palavras-chave: Erosão, Vulnerabilidade, EUPS, Zona costeira, Vilankulo.

Resumo

Este estudo pretende ser uma contribuição na identificação de áreas vulneráveis à erosão. No quadro metodológico figura o uso da Equação Universal de Perda de Solo (USLE) para avaliar o peso relativo dos factores que atuam no processo de erosão na zona costeira do distrito de Vilankulo, a partir de dados obtidos no campo. A influência dos fatores práticas de maneio da terra, cobertura vegetal, R- erosividade da chuva e S- declive do terreno foi determinada através do cálculo do coeficiente de determinação – R2 usando dados referentes a dez lugares de ocorrência de erosão. O Sistema de Informação Geográfica (SIG) foi usado para classificar e mapear as áreas de erosão. A rua da Marginal, os bairros Desse e Chibuene são as áreas mais vulneráveis à erosão, estando atualmente, marcadas por ravinamentos cada vez mais evidentes. O agravamento da erosão pode ser explicado por factores correlacionados nomeadamente as práticas de maneio da terra, aos níveis de cobertura vegetal e a erosividade da chuva. Para explicação do fenômeno erosivo na área de estudo proposto parece-nos pois importante considerar, em estudos subsequentes, aspectos ligados ao clima de agitação marítima.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-12-30
Como Citar
Menete, J., & Zunguze, A. (2011). Erosão Costeira em Vilankulos. GEOUSP Espaço E Tempo (Online), (29), 123-131. https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2011.74210
Seção
Artigos