A GEOGRAFIA DA SAÚDE BRASILEIRA E PORTUGUESA: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES CONCEPTUAIS

Autores

  • Dirley dos Santos Vaz Universidade do Minho-Portugal
  • Paula Cristina Almeida Remoaldo Universidade do Minho Portugal

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2011.74242

Palavras-chave:

Espaço, Saúde, Geografia da Saúde, Aspectos Conceptuais, Brasil, Portugal.

Resumo

 

 As relações entre saúde e espaço são indissociáveis, pelo que se torna importante discutir o potencial da ciência geográfica na abordagem da saúde e avaliando-a como mais uma área de estudo na qual o Geógrafo pode intervir. Por seu turno, o espaço geográfico tem-se revelado como um importante atractivo para ciências que não o consideravam antes como crucial para a sua análise. Quando pensamos em planeamento em saúde, a escala local surge, cada vez mais, como um determinante quando se avalia uma qualquer doença e os Sistemas de Informação Geográfica (S.I.G.) permitem-nos uma avaliação mais sustentada da realidade. Neste domínio o Geógrafo encontra-se capacitado, para em equipas multidisciplinares (sobretudo com Médicos, Economistas, Sociólogos), revelar o poder que tem a sua formação, resultante da capacidade para representar espacialmente e para usar os S.I.G. e, por outro lado, devido à sua habilidade para analisar simultaneamente a dimensão dinâmica e espacial de fenómenos como as doenças. O presente artigo pretende analisar aspectos teóricos e metodológicos deste fecundo campo de estudos e circunscreve-se à Geografia brasileira e portuguesa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dirley dos Santos Vaz, Universidade do Minho-Portugal

Mestrando em geografia área de especialização planejamento e gestão do território pela Universidade do Minho-Portugal.

Paula Cristina Almeida Remoaldo, Universidade do Minho Portugal

Professora Doutora Associada e Directora do Núcleo de Investigação em Geografia e Planeamento da Universidade do Minho Portugal.

Downloads

Publicado

2011-04-30

Como Citar

VAZ, D. dos S.; REMOALDO, P. C. A. A GEOGRAFIA DA SAÚDE BRASILEIRA E PORTUGUESA: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES CONCEPTUAIS. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 15, n. 3, p. 173-192, 2011. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2011.74242. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/74242. Acesso em: 29 jul. 2021.

Edição

Seção

Intercâmbio