BALANÇO DE ENERGIA E FLUXO DE CO2: ANÁLISE DOS DADOS COLETADOS NO CERRADO DA FLORESTA ESTADUAL DE ASSIS, ESTADO DE SÃO PAULO

Autores

  • Edson Xavier Fernandes Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho", Campus de Ourinhos
  • Jonas Teixeira Nery Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Campus de Ourinhos

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2013.75436

Palavras-chave:

Calor latente, Calor sensível, Cerrado, Dióxido de carbono, Fluxos

Resumo

Com base em dados climatológicos e de fluxo de energia, o presente trabalho analisa o comportamento microclimático observado em um importante remanescente de cerrado, no interior do estado de São Paulo. A sazonalidade climática é bem marcada, na área de estudo, com dois períodos climáticos (um seco e outro chuvoso). A vegetação apresenta sua fisiologia em função da disponibilidade hídrica e das condições térmicas locais, podendo-se observar marcada alteração da paisagem em função da maior ou menor presença de radiação solar. Diante das discussões em torno das mudanças climáticas em escala global, entender o papel dos ecossistemas neste processo tem ganhado atenção de pesquisadores, inclusive geógrafos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edson Xavier Fernandes, Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho", Campus de Ourinhos

Aluno de graduação do curso de Geografia da Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" (UNESP), turma de 2008-2013. É integrante do grupo de pesquisa Clima/CNPq.

Jonas Teixeira Nery, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", Campus de Ourinhos

Meteorologistas, Professor Doutor do Departamento de Geografia da Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" (UNESP, Campus de Ourinhos).

Downloads

Publicado

2013-12-30

Como Citar

FERNANDES, E. X.; NERY, J. T. BALANÇO DE ENERGIA E FLUXO DE CO2: ANÁLISE DOS DADOS COLETADOS NO CERRADO DA FLORESTA ESTADUAL DE ASSIS, ESTADO DE SÃO PAULO. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 17, n. 3, p. 34-45, 2013. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2013.75436. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/75436. Acesso em: 15 maio. 2021.

Edição

Seção

Artigos