Editorial V4|N1

Autores

  • Paulo Roberto Andery UFMG

DOI:

https://doi.org/10.4237/gtp.v4i1.94

Resumo

A revista Gestão e Tecnologia de Projetos inicia seu quarto ano de existência, consolidando a tarefa de divulgação de artigos científicos na área de gestão do processo de projeto em AEC. Passo significativo dado pela Revista, desde o último número publicado, é sua inclusão no catálogo de publicações Qualis, da CAPES. Por outro lado, a revista passa a contar com a colaboração do recentemente constituído Grupo de Trabalho em “Qualidade do Projeto”, no âmbito da Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído. A criação do grupo amplia a cooperação entre pesquisadores de distintas instituições e regiões do país, comprometidos com o desenvolvimento de trabalhos voltados à valorização da atividade projetual como elemento essencial para a garantia da qualidade do ambiente construído. Seguindo uma tendência de números anteriores, a presente edição apresenta um leque de artigos que abordam distintas temáticas na gestão de projetos. O trabalho “O Papel do Briefing na Gestão de Projetos de Edifícios de Escritórios” aborda questões relativas à concepção de empreendimentos de edifícios comerciais, com ênfase na problemática de definição dos requisitos de projeto e a interação entre o projeto arquitetônico e as demais especialidades de projeto. Por meio de um estudo de caso, estabelece diretrizes para melhoria do processo de projeto desse tipo de empreendimento, que envolve crescentes exigências de desempenho. Dois outros trabalhos analisam, desde um ponto de vista conceitual, a relação entre o processo de projeto e a sustentabilidade de empreendimentos de construção civil. O trabalho “Gerenciamento da Arquitetura, Urbanismo e Engenharia do Valor Simultâneos Sustentáveis: uma abordagem cognitiva do projeto do empreendimento como critério de sustentabilidade” apresenta uma proposta de conexão entre o processo de projeto e os requisitos de sustentabilidade. O trabalho propõe um modelo para assegurar que requisitos arquitetônicos dos empreendimentos sejam estabelecidos levando em conta o contexto urbanístico específico no qual se inserem. Apresenta, portanto, uma interessante especulação sobre o tema. O texto “Sustentabilidade e Processos de Projeto de Edificações” apresenta uma breve revisão histórica sobre desenvolvimento sustentável do ambiente construído, e propõe diretrizes para concepção de empreendimentos de construção civil desde essa perspectiva, chamando a atenção para o papel dos incorporadores ou gestores dos empreendimentos, que concebem a sustentabilidade como objetivo primordial, mais além do que meros requisitos do processo projetual. O quarto trabalho, “A Utilização de Princípios da Engenharia Simultânea no Processo de Projeto de Obras de Arte Especiais e Ênfase na Integração Projeto – Produção” discute a utilização de princípios da engenharia simultânea no desenvolvimento dos projetos de um viaduto. O estudo de caso apresentado mostra que a participação do construtor no desenvolvimento dos projetos permite a adoção de diretrizes projetuais voltadas ao aumento da construtibilidade e melhoria da qualidade do produto final. O quinto e último trabalho dessa edição foi redigido em inglês. O artigo “Collaborative CAD Modeling Process Analysis to Support Teamwork for Building Design” dá sequência a uma temática já explorada em edições anteriores da Revista, que é a utilização da tecnologia da informação como suporte à atividade projetual. O trabalho discute com o conceito de BIM pode dar suporte a atividades colaborativas de projeto, envolvendo distintos agentes, e propondo diretrizes específicas para utilização de softwares de BIM. Por fim, os editores chamam a atenção para a realização do Simpósio Brasileiro de Qualidade do Projeto no Ambiente Construído, em novembro próximo, que pretende ser um fórum de discussões sobre o processo de projeto em arquitetura, engenharia e desenho urbano, bem como de estudos que visem dar retorno aos usuários sobre melhorias, adaptações e correções no ambiente construído. Paulo R. P. Andery Volume 4 | Número 1, Maio de 2009

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Roberto Andery, UFMG

Possui graduação em Engenharia Universidade Presbiteriana Mackenzie (1985), mestrado em Engenharia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1990) e doutorado em Engenharia Metalúrgica e de Minas pela Universidade Federal de Minas Gerais (1997). Atualmente é professor do Departamento de Engenharia de Materiais e Construção da Universidade Federal de Minas Gerais. Tem experiência nas áreas de Engenharia Civil e Engenharia de Produção, com ênfase em Gestão da Qualidade e Gestão do Processo de Projeto, atuando principalmente nos seguintes temas: gestao da qualidade e produtividade, gestão do processo de projeto, projetct management e lean design Curriculum LATTES: http://lattes.cnpq.br/3463303263991617

Downloads

Publicado

2009-05-30

Como Citar

Andery, P. R. (2009). Editorial V4|N1. Gestão & Tecnologia De Projetos, 4(1), 1-2. https://doi.org/10.4237/gtp.v4i1.94

Edição

Seção

Editorial