[1]
Érica de S. Checcucci, A. P. C. Pereira, e A. L. de Amorim, “DIFUSÃO E APROPRIAÇÃO DO PARADIGMA BIM NO BRASIL”, GT Projetos, vol. 1, nº 8, p. 19, set. 2013.