Vestígios de um diário fotográfico

Autores

  • Etienne Samain Universidade Estadual de Campinas, São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2525-3123.gis.2016.116369

Palavras-chave:

Diário visual, Antropologia visual e arte, Texto e imagem, Imagem e memória, Visualização do tempo.

Resumo

.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Etienne Samain, Universidade Estadual de Campinas, São Paulo

Antropólogo, teólogo, pesquisador do CNPq (bolsista-produtividade A-1), professor titular no Instituto de Artes da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), e docente do Departamento de Cinema. Dentre os seus vários trabalhos destaca-se Moroneta Kamayurá. Mitos e aspectos da realidade social dos índios Kamayurá (Alto Xingu) e O Fotográfico (2ª edição, 2005). Atualmente, centra seus interesses na elaboração de uma Antropologia da Imagem (baseada nas obras do fundador da Iconologia, Aby Warburg), bem como numa Antropologia da Comunicação Humana, nos moldes de Gregory Bateson e dos trabalhos da Escola de Palo Alto. Nessa perspectiva, acaba de organizar e de publicar um novo livro, intitulado "Como pensam as imagens" (2012) com a colaboração de 10 pesquisadores ? brasileiros e estrangeiros ?, cujos resultados permitirão ampliar os questionamentos relativos a uma Epistemologia da Comunicação, tanto como firmar alicerces de uma Antropologia da Imagem. 

Publicado

2016-06-23

Como Citar

Samain, Etienne. 2016. “Vestígios De Um diário fotográfico”. GIS - Gesto, Imagem E Som - Revista De Antropologia 1 (1). São Paulo, Brasil. https://doi.org/10.11606/issn.2525-3123.gis.2016.116369.

Edição

Seção

G.I.S - Gestos, Imagens e Sons