Química mineral e condições de cristalização (P-T-ƒO2) do Plúton Maravilha, Domínio PEAL (Província Borborema)

Palavras-chave: Termobarômetria, Província Borborema, Arco magmático

Resumo

O Plúton Maravilha, localizado no Domínio Pernambuco-Alagoas, tem dimensão de aproximadamente 200 km2, alongado em direção WSW-ENE. Apresenta composição modal tonalítica, textura fanerítica inequigranular, por vezes porfirítica, com quantidades variáveis de plagioclásio, biotita, anfibólio e quartzo, por vezes microclínio, presença de epídoto magmático, tendo como principais fases acessórias titanita, apatita, zircão e allanita. Neste trabalho foram analisadas as principais fases minerais presentes no plúton, visando a compreender sua evolução petrogenética e condições de cristalização. Em porções mais deformadas, o plúton apresenta-se fortemente foliado, marcado pela presença de biotitas primárias, em vasta maioria, cloritizadas nas bordas, podendo ser produto de hidrotermalismo ou de estágios iniciais de reações metamórficas, sendo classificadas entre a solução sólida eastonita-siderofilita. Os anfibólios são predominantemente magmáticos, classificados em grande maioria como pargasita e ferro-pargasita. Cálculos geobarométricos mostram valores de 6 a 7,18 kbar, enquanto a geotermometria foi estimada entre 706 e 785ºC, utilizando o conteúdo de AlIV em plagioclásios e anfibólios em equilíbrio. A presença da assembleia magnetita+titanita+quartzo em equilíbrio, os valores de Fe# na biotita e anfibólios, assim como cristais de magnetita euédricos a subédricos associados à titanita euédrica losangular como fases precoces, indicam que o magma progenitor era relativamente oxidado.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-10-14
Como Citar
Dáttoli, L., Silva Filho, A., Guimarães, I., Lima, J., Garcia, P., Arouca Júnior, R., Bonfim, P. H., & Santiago, R. C. (2019). Química mineral e condições de cristalização (P-T-ƒO2) do Plúton Maravilha, Domínio PEAL (Província Borborema). Geologia USP. Série Científica, 19(3), 253-266. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9095.v19-149116
Seção
Artigos