Arquivistas e Museólogos: uma reflexão crítica sobre o posicionamento destes profissionais na Classificação Brasileira de Ocupações

Autores

  • Helena Maria Tarchi Crivellari Universidade Federal de Minas Gerais
  • Thiara dos Santos Alves Universidade Federal de Minas Gerais
  • Maria Guiomar da Cunha Frota Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2178-2075.v8i1p46-67

Palavras-chave:

Arquivista, Museólogo, Classificação Brasileira de Ocupações. Relação Anual de Informações Sociais,

Resumo

Este artigo apresenta resultados preliminares de pesquisa em andamento, que tem por objetivo contribuir para uma reflexão crítica sobre o posicionamento dos profissionais Arquivistas e Museólogos na Classificação Brasileira de Ocupações.  A pesquisa foi feita através de levantamento bibliográfico e documental e parte do seguinte questionamento: qual é o posicionamento dos profissionais Arquivistas e Museólogos na Classificação Brasileira de Ocupações?  A relevância desse artigo consiste na escassez de pesquisas sobre a Família ocupacional “Arquivistas e Museólogos” e sobre o mercado de trabalho destes profissionais; além de contribuir com apontamentos para uma possível atualização e revisão de parte do documento da Classificação Brasileira de Ocupações. O artigo contextualiza a formação e organização profissional do Arquivista e do Museólogo no Brasil; apresenta o histórico da Classificação Brasileira de Ocupações; em seguida, situa o Arquivista e o Museólogo na Classificação Brasileira de Ocupações; depois, exemplifica o uso da Classificação Brasileira de Ocupações na Relação Anual de Informações Sociais. Por fim, encerra-se com uma conclusão parcial que pretende colaborar para reflexões sobre: as classificações de ocupação; a dificuldade de viabilizar propostas de políticas públicas de formação e emprego de Arquivistas e Museólogos; possíveis aspectos a respeito do emprego do Arquivista e do Museólogo; as políticas microinstitucionais de descrição de cargos nos editais de concurso público. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Helena Maria Tarchi Crivellari, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas. Docente no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, da Universidade Federal de Minas Gerais.

Thiara dos Santos Alves, Universidade Federal de Minas Gerais

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, da Universidade Federal de Minas Gerais.

Maria Guiomar da Cunha Frota, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutora em Sociologia pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro. Docente no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, da Universidade Federal de Minas Gerais.

Downloads

Publicado

2017-04-20

Como Citar

CRIVELLARI, H. M. T.; ALVES, T. dos S.; FROTA, M. G. da C. Arquivistas e Museólogos: uma reflexão crítica sobre o posicionamento destes profissionais na Classificação Brasileira de Ocupações. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, [S. l.], v. 8, n. 1, p. 46-67, 2017. DOI: 10.11606/issn.2178-2075.v8i1p46-67. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/incid/article/view/107210. Acesso em: 6 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos