Natureza e origem da Bibliografia: uma perspectiva disciplinar para contemporaneidade

Autores

  • Fiammetta Sabba Universidade de Bolonha. Departamento de Bens Culturais

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2178-2075.v7iespp65-98

Palavras-chave:

Bibliografia – História e Teoria, Conrad Gesner (1516-1565), Bibliotheca Universalis (1545), Método Gesneriano. Pandectae (1548-1549)

Resumo

O trabalho propõe o estudo da Bibliotheca Universalis de Conrad Gesner através da tipologia de fontes de informação utilizadas pelo autor em sua composição e de sua representatividade bibliográfica em relação à cultura escrita disponível na época. Com base nisso, propõe medir o grau de ‘universalidade’ da obra na perspectiva da meta desejada e dos instrumentos a sua disposição. Para isso, se elabora um percurso de revisão das fontes utilizadas por Gesner, que variam entre catálogos editoriais, catálogos de bibliotecas e, ainda, bibliografias propriamente ditas, fontes obtidas, na maioria das vezes, ao longo de viagens realizadas pelo autor. Se destaca assim, na reconstituição desse percurso de pesquisa de Gesner, a atualidade de seu projeto bibliográfico, fundamentado no princípio de registrar o patrimônio escrito, de classificá-lo e identificar aquilo que ainda precisava se tornar público. Desenvolve-se, ainda, uma discussão que visa mostrar afinidades e paralelismos entre as necessidades de uma construção ‘semântica’ da informação nos nossos tempos e a atualidade do Método Gesneriano para tanto.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2016-08-10

Como Citar

SABBA, Fiammetta. Natureza e origem da Bibliografia: uma perspectiva disciplinar para contemporaneidade. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, Ribeirão Preto, Brasil, v. 7, n. esp, p. 65–98, 2016. DOI: 10.11606/issn.2178-2075.v7iespp65-98. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/incid/article/view/118750.. Acesso em: 19 jul. 2024.