[1]
Olson, H.A. 2011. A potência do não percebido: Hegel, Dewey e seu lugar na corrente principal do pensamento classificatório. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação. 2, 1 (jun. 2011), 3-15. DOI:https://doi.org/10.11606/issn.2178-2075.v2i1p3-15.