[1]
B. M. Rocha e T. Raso, “Estudo contrastivo do uso de alocutivos em português brasileiro, italiano e em falas de italianos bilíngues em contato prolongado com o português do Brasil”, Rev. Ital. (Online), nº 21-22, p. 53-64, dez. 2011.