Considerações acerca do êthos germânico na Germania de Tácito

Autores

  • Henrique Verri Fiebig Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2358-3150.v19i2p90-98

Palavras-chave:

Historiografia Antiga, Etnografia Antiga, Gênero Epidítico

Resumo

Propõe-se neste estudo uma reflexão acerca do êthos das populações germânicas na primeira seção da Germania de Públio Cornélio Tácito. Considerando que êthos pode ser entendido como uma construção que reúne elementos tanto intradiscursivos quanto extradiscursivos, sugere-se que a construção deste êthos germânico obedece tanto aos lugares-comuns do gênero epidítico da retórica, os quais podem ser relacionados aos topoi do gênero etnográfico identificados pelos estudiosos modernos, quanto à expectativa de uma recepção condicionada aos estereótipos correntes acerca do bárbaro do Norte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-12-10

Como Citar

Fiebig, H. V. (2015). Considerações acerca do êthos germânico na Germania de Tácito. Letras Clássicas, 19(2), 90-98. https://doi.org/10.11606/issn.2358-3150.v19i2p90-98