Homens e deuses na Orestéia de Ésquilo

Autores

  • Elaine Cristina de Souza Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2358-3150.v1i1p9-27

Palavras-chave:

tragédia, Orestéia, Ésquilo, Platão, participação

Resumo

Este texto sugere uma possível interpretação da relação entre homens e deuses na Orestéia de Ésquilo em analogia com a relação entre realidades sensíveis e inteligíveis em Platão. Como a relação entre sensíveis e inteligíveis envolve participação, imitação e reminiscência, é apresentada uma tentativa de localizar estas três instâncias na Orestéia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1997-10-14

Como Citar

Souza, E. C. de. (1997). Homens e deuses na Orestéia de Ésquilo. Letras Clássicas, 1(1), 9-27. https://doi.org/10.11606/issn.2358-3150.v1i1p9-27

Edição

Seção

Artigos