Platão trágico e antitrágico

  • Roberto Bolzani Filho Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Palavras-chave: Filosofia, tragédia, divindade

Resumo

Este texto pretende analisar o conhecido relato do oráculo de Delfos na Apologia de Sócrates, como um caso exemplar de um procedimento tipicamente platônico de retomar formas discursivas tradicionais, para criticar a visão de mundo que as fundamente, de modo a defender suas próprias ideias e filosofia.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2008-12-19
Como Citar
Bolzani Filho, R. (2008). Platão trágico e antitrágico. Letras Clássicas, (12), 151-168. https://doi.org/10.11606/issn.2358-3150.v0i12p151-168
Seção
Artigos