[1]
F. M. Corradin, “<em>Anfitrião, ou Júpiter e Alcmena</em&gt;, de Antônio José da Silva, e a intertextualidad”e, Let. Cláss., vol. 1, nº 1, p. 133-145, out. 1997.