By speech and by signs: first encounters between indians and europeans on coastal Brazil, 1500–1530s

  • M. Kittiya Lee California State University, Los Angeles
Palavras-chave: Língua geral, Literatura de viagens, Brasil colonial.

Resumo

Este artigo considera a tópica da comunicação interétnica. Ele examina os textos dos viajantes do século XVI e do início do século XVII, as cartas dos jesuítas e os textos em língua indígena para sugerir o domínio das variantes costeiras da família lingüística Tupi-Guarani como língua franca entre índios e europeus.
Publicado
2012-04-28