Lugares e não lugares: travessias em A Terceira Margem do Rio e Terra Sonâmbula

Autores

  • Cristina Casagrande de Figueiredo Semmelmann Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9826.literartes.2018.148431

Palavras-chave:

Terra Sonâmbula, A Terceira Margem do Rio, Travessias, Lugares, Não Lugares.

Resumo

O artigo tem por objetivo estabelecer uma análise comparativa entre o conto A Terceira Margem do Rio, de Guimarães Rosa, com Terra Sonâmbula, primeiro romance do moçambicano Mia Couto. O tema em que a análise se centra se refere às travessias, lugares e não lugares presentes em ambas as histórias; tanto no que diz respeito à recriação da linguagem e da construção narrativa quanto à mensagem proposta em cada uma das histórias contadas.  

Biografia do Autor

Cristina Casagrande de Figueiredo Semmelmann, Universidade de São Paulo

DLCV -- ECLLP

Downloads

Publicado

2018-10-31

Como Citar

SEMMELMANN, C. C. de F. Lugares e não lugares: travessias em A Terceira Margem do Rio e Terra Sonâmbula. Literartes, [S. l.], v. 1, n. 9, p. 82-94, 2018. DOI: 10.11606/issn.2316-9826.literartes.2018.148431. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/literartes/article/view/148431. Acesso em: 9 ago. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)