SILVA, M. L. B. da. Hiroshima mon amour, de Marguerite Duras, e o ‘resíduo sublimado’: celebração dos 60 anos e ressonâncias no Contemporâneo. Literatura e Sociedade, [S. l.], v. 25, n. 31, p. 41-53, 2020. DOI: 10.11606/issn.2237-1184.v0i31p41-53. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/ls/article/view/177030. Acesso em: 28 jan. 2023.