Resenha de Lewis, D. M. Greek Slaves Systems in their eastern Mediterranean Context, c. 800-146. Oxford: Oxford University Press, 2018. 372 p.

Autores

  • Helton Lourenço Carvalho Universidade Federal de Ouro Preto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2177-4218.v12i1p277-286

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Helton Lourenço Carvalho, Universidade Federal de Ouro Preto

Doutorando do programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Ouro de Preto sob a orientação do Prof. Dr. Fábio Duarte Joly. É membro do Laboratório de Estudos sobre o Império Romano da UFOP – LEIR/UFOP. Agradeço ao Prof. Dr. Fábio Duarte Joly pela leitura e revisão inicial deste texto. O presente trabalho foi realizado com apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Brasil (CAPES) – Código de Financiamento 001. E-mail para contato: carvalhohl@hotmail.com.

Referências

Finley, M. (1991). Escravidão antiga e ideologia moderna. Tradução Norberto Guarinello. Rio de Janeiro: Graal.

Joly, F. (2019). Types of Slaves Societies – Review: David M. Lewis, Greek Slave Systems in their Eastern Mediterranean Context, c.800-146 BC. Oxford: Oxford University Press, 2018. Cambridge: The Classical Review, pp. 1-2.

Patterson, O. (1991). Freedom in the Making of Western Civilization. Nova York: Basic Books.

Patterson, O. (1982). Slavery and Social Death. Cambridge: Harvard University Press.

Downloads

Publicado

2021-03-12

Como Citar

Carvalho, H. L. (2021). Resenha de Lewis, D. M. Greek Slaves Systems in their eastern Mediterranean Context, c. 800-146. Oxford: Oxford University Press, 2018. 372 p . Mare Nostrum, 12(1), 277-286. https://doi.org/10.11606/issn.2177-4218.v12i1p277-286

Edição

Seção

Resenhas