O fandom como objeto e os objetos do fandom

Autores

  • Matt Hills Aberystwyth University, Department of Theatre, Film and Television Studies. Aberystwyth
  • Clarice Greco Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1982-8160.v9i1p147-163

Palavras-chave:

Fandom, audiências, estudos de fã

Resumo

Matt Hills é Professor de Film & TV Studies na Aberystwyth University, no País de Gales. Ele possui um mestrado pela Goldsmiths, University of London, e um doutorado pela University of Sussex. Fã autodeclarado da série britânica Doctor Who, Hills tem escrito sobre fãs e fandom desde o início de sua carreira, ao lado de trabalhos sobre audiências de mídia, cinema e TV cult, qualidade da televisão e cultura digital. Seu livro Fan Cultures (2002) está entre as mais reconhecidas contribuições aos estudos de fã. Nessa entrevista, Matt Hills fala sobre os desafios teóricos e empíricos na definição e estudos dos fãs, a complexidade do termo e os tipos de envolvimento e comportamento no fandom online e off-line.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Matt Hills, Aberystwyth University, Department of Theatre, Film and Television Studies. Aberystwyth

Professor no Department of Theatre, Film and Television Studies da Aberystwyth University.

Clarice Greco, Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes

Doutoranda em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo

Publicado

2015-06-23

Como Citar

Hills, M., & Greco, C. (2015). O fandom como objeto e os objetos do fandom. MATRIZes, 9(1), 147-163. https://doi.org/10.11606/issn.1982-8160.v9i1p147-163

Edição

Seção

Entrevista