Busca por uma Metodologia da Influência dos Animês em Jovens Brasileiros – uma perspectiva Junguiana

Autores

  • Gustavo Pereira Portes Nagoya University
  • Edward Haig Nagoya University

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1982-8160.v7i1p247-262

Palavras-chave:

Animê, Influência, Envolvimento, Identificação, Identidade

Resumo

Esta pesquisa busca por uma nova metodologia para entender como animês influenciam os jovens através de processos narrativos, e análises de envolvimento com textos da TV e identificação com personagens da mídia, através de entrevistas com quatro jovens fãs do animê Naruto. Esses jovens demonstraram, por meio de histórias narradas por eles mesmos, encarnarem arquétipos representados por imagens em animês. Arquétipos de ruptura e quebra de paradigmas, de inovação e transgressão como o arquétipo do Herói são referência para a maioria deles, mas personagens caracterizados pela busca da manutenção do status-quo, por exemplo, também surgem como uma possível mudança de postura encontrada na juventude atual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gustavo Pereira Portes, Nagoya University

Gustavo Portes é doutorando em Media - Screen & Sound pela La Trobe University, Austrália. Ele pesquisa imagens arquetípicas em animações de diferentes países. Mestre em Media and Culture pelo Department of Media Professional Studies pela Nagoya University, ex-bolsista do programa Monbusho. Também atua como pesquisador pelo Centro de Pesquisas em Cultura Japonesa de Goiás (CPCJ-GO) e pelo Otaku Culture Research Group, no Japão.

Edward Haig, Nagoya University

Edward Haig é professor no Department of Media Professional Studies na Nagoya University no Japão onde ele atualmente leciona media discourse analysis e media English. Seus maiores campos de atuação são em ecolinguistics, critical discourse analysis e systemic functional grammar. Recentemente completou um estudo sobre ideologia em notícias sobre crimes juvenis em rádios britânicas.

Publicado

2013-06-05

Como Citar

Portes, G. P., & Haig, E. (2013). Busca por uma Metodologia da Influência dos Animês em Jovens Brasileiros – uma perspectiva Junguiana. MATRIZes, 7(1), 247-262. https://doi.org/10.11606/issn.1982-8160.v7i1p247-262

Edição

Seção

Em Pauta/Agenda