[1]
T. A. Penner e J. Straubhaar, “Títulos originais e licenciados com exclusividade no catálogo brasileiro da Netflix:: um mapeamento dos países produtores”, Matrizes, vol. 14, nº 1, p. 125-149, maio 2020.