Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Bourdieu, Baudrillard e Bauman: O Consumo Como Estratégia de Distinção

Daniel Gambaro

Resumo


A partir de três textos de Bourdieu, Baudrillard e Bauman, o presente artigo pretende refletir sobre a evolução do consumo econômico e cultural como forma de distinção entre as classes sociais no decorrer do século 20. Serve como exercício de análise de pontos em comum entre esses autores, em suas reflexões sobre os usos e posses de objetos e crítica à definição dos status social. Parte-se da premissa que cada texto representa um momento diferente na fase de aceleração ditada pelo capitalismo: da distinção entre classes baixa, média e alta nas esferas produtivas e de consumo, à manutenção de um status quo, resultado de práticas de consumo de um momento de alta obsolescência dos produtos, tanto técnicos como culturais.  

Palavras-chave


Consumo; Distinção; Classe social; Modernidade líquida

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2238-7714.no.2012.51444

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

Novos Olhares - ISSN 2238-7714
Revista de Estudos Sobre Práticas de Recepção a Produtos Midiáticos.
Publicação semestral online do Programa de Pós Graduação
em Meios e Processos Audiovisuais (PPGMPA) da
Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo.
 
 
A revista surgiu em 1998 como publicação impressa (ISSN 1516-5981).
O formato eletrônico e a numeração no formato volume/número
foram adotados em 2012, ano em que a numeração foi reiniciada.